A língua chinesa, para um futuro melhor!

Atualmente, a Escola Chinesa de Lisboa é a maior escola de língua chinesa em Portugal, a mais antiga e com um sistema de funcionamento regular ao fim de semana. A Escola está oficialmente registada com o nome “Associação para a Promoção das Línguas Chinesa e Portuguesa”.

O principal objetivo da Escola é ensinar a língua e a cultura chinesas aos filhos de emigrantes chineses locais, habilitando os alunos a usar a sua língua materna na conversação quotidiana, na expressão escrita e na leitura da língua chinesa e, também, promovendo o conhecimento e a compreensão da cultura chinesa. Ao mesmo tempo, respondendo às necessidades da sociedade portuguesa, abriu cursos de língua chinesa para crianças e adultos portugueses.

A Escola funciona, atualmente, em dois locais: desde 2006, na Escola Básica nº 26 de Lisboa, todos os Sábados; o outro local situa-se na Avenida Almirante Reis, estando aberto de Segunda a Sábado, onde se encontram a escola de chinês, bem como a biblioteca e os escritórios da Escola. Ambos os locais se situam no centro de Lisboa, próximo da estação de Metro dos Anjos, a uma distância de cinco minutos entre si.

Em finais de junho de 2012, a Escola oferecia, principalmente, cursos de língua chinesa. O número de alunos ultrapassa os seiscentos, divididos por vinte turmas de língua chinesa que vão desde o pré-escolar ao 10º ano. No ensino da língua chinesa a portugueses e estrangeiros, contamos com cinco turmas de crianças e nove de adultos: seis de Nível I; duas de Nível II; uma de Nível III. Para além disto, a Escola oferece ainda cursos de dança tradicional chinesa, dança contemporânea, kungfu, representação, caligrafia chinesa, trabalhos manuais, etc.

Temos perto de trinta professores, sendo que todos possuem um grau de licenciatura ou superior, entre eles vários são especializados no ensino da língua chinesa.

A Escola não tem como objetivo o lucro. No entanto, o estabelecimento de propinas razoáveis permite a sua auto-suficiência, e a acumulação de capital concede à Escola oportunidades de desenvolvimento.

No seu processo de desenvolvimento, a Escola não só recebeu o forte apoio do governo e da sociedade chinesa, mas contou também com a cooperação do governo e dos amigos portugueses (a possibilidade do usufruto das instalações da EB nº 26 deve-se à Câmara Municipal de Lisboa e ao agrupamento de Escolas Nuno Gonçalves).

Há muito tempo que a Escola Chinesa de Lisboa se dedica a criar para os seus alunos um paraíso de ensino da língua chinesa. Para que eles possam melhorar o seu nível de chinês e aprofundar o seu interesse na cultura chinesa, a Escola tem vindo a aperfeiçoar os seus métodos de ensino e de gestão, recebendo o reconhecimento e a confiança dos alunos e encarregados de educação.

Em Dezembro de 2011, a Escola Chinesa de Lisboa foi nomeada pelo Gabinete para as Comunidades Imigrantes do Conselho de Estado Chinês como uma das escolas modelo de ensino da Língua Chinesa no estrangeiro,

Estamos convictos que com o apoio dos alunos e encarregados de educação, dos nossos amigos portugueses, da comunidade chinesa e dos governos chinês e português, a Escola Chinesa de Lisboa poderá progredir cada vez mais e os alunos poderão apreciar cada vez mais o estudo da Língua Chinesa.